Pular para o conteúdo principal

Sobre Nós

Aberto

Guia prático de como trabalhar com decoração de festa

Trabalhar com decoração de festa

Você tem habilidade para organizar festas e eventos, já trabalha no ramo ou tem vontade de ingressar? Já considerou trabalhar com decoração de festa e abrir a sua própria empresa especializada no ramo?

Quem trabalha com decoração de festas e eventos tem muitos nichos a seu dispor, pois pode atender a segmentos específicos — como casamentos e festas infantis — ou, ainda, atender a todo e qualquer tipo de celebração que exija um ambiente decorado.

Seja qual for o nicho escolhido, para entrar nesse mercado é necessário investimento e conhecimento. Se por um lado é necessário adquirir artigos essenciais para a decoração de qualquer festa — como toalhas, tecidos e armação para balões — por outro, conhecer as principais etapas de planejamento, divulgação e crescimento é essencial para que o negócio seja um sucesso.

Pensando nisso, elaboramos um material com diversas dicas relevantes para ajudar você a montar uma empresa de decoração de festa e até mesmo se tornar uma referência neste mercado. Esperamos que, ao final deste artigo, você não apenas se sinta preparado para trabalhar nesse ramo, como também consiga destaque na área. Boa leitura!

Como é o mercado de decoração de festas?

Trabalhar com decoração de festa significa estar inserido em um mercado dinâmico, encantador e altamente rentável.

Antes da pandemia, o mercado de festas e eventos faturava quase R$ 940 bilhões por ano e empregava 25 milhões de trabalhadores. Ele envolve empresas dos mais variados ramos, como:

  • acessórios;
  • alimentação e bebidas;
  • aluguel de espaços;
  • decoração, móveis e locação de materiais;
  • fotos;
  • lembranças;
  • música;
  • organização;
  • papelaria;
  • presentes;
  • som.

Uma das saídas para quem já estava nesse mercado antes do isolamento social e da proibição dos eventos foi investir na venda de produtos para decoração de festas particulares, especialmente fornecendo balões de gás hélio, já que foram proibidos de decorar o ambiente.

No geral, esse é um mercado bastante lucrativo, até mesmo pelo perfil do brasileiro. Somos um povo festivo e estamos inseridos em uma cultura que adora celebrações. Mesmo antes do nascimento de uma pessoa, comemoramos a chegada dela com o chá de bebê — e isso continua sendo feito ao longo da vida.

Dito isso, os principais nichos desse mercado são:

  • aniversários de criança;
  • aniversários em geral;
  • batizados;
  • bodas;
  • casamentos;
  • chás de bebê e de revelação;
  • formaturas.

Cada um desses nichos revelam oportunidades para se aprofundar e tornar as decorações uma especialidade da casa. Mesmo assim, um dos mercados mais promissores continua sendo as festas infantis e os casamentos. As pessoas costumam não economizar nessas ocasiões.

Vale a pena entrar no segmento?

Saber se vale a pena trabalhar com decoração de festa é como em qualquer outro negócio: depende do seu planejamento e da forma na qual você administra a sua empresa. Falando especificamente desse segmento de atuação, um artigo publicado no portal da Universidade Online de Viçosa garante que vale a pena entrar para o segmento, porque dá lucro.

O momento que estamos vivendo é atípico. Com a vacinação, em breve os eventos serão liberados novamente e as pessoas continuarão investindo na beleza de seus ambientes. Se antes os familiares do aniversariante faziam o bolo e compravam itens simples como pratinhos e copinhos de seus personagens preferidos, hoje esse processo ganhou um novo significado.

Os adeptos ao estilo “faça você mesmo” ousam decorar os espaços com mais requinte, utilizando elementos personalizados de papelaria e balões. Aqueles que desejam algo profissional não pensam duas vezes ao contratar uma empresa de decoração.

Quais são os primeiros passos para começar a trabalhar com decoração de festas?

Você já se convenceu de que trabalhar com decoração de festa pode ser um grande negócio para você? O primeiro passo já foi dado. Agora, é preciso tomar algumas providências para abrir uma empresa de forma organizada, dando vida ao seu sonho. Descubra quais são elas.

Faça um planejamento financeiro

Ter um planejamento financeiro é fundamental para dar o pontapé inicial do seu negócio, e ele deve ser revisado periodicamente. Ou seja, mesmo após o sucesso de sua empresa de decoração de festa, ainda sim você vai continuar elaborando o plano financeiro do seu negócio.

Planejar as finanças do seu negócio determina os próximos passos da sua empresa, em curto, médio e longo prazo. Ou seja, você planeja seu próximo mês, trimestre, ano ou um período até maior — tudo vai depender de onde você planeja chegar.

Para isso, é preciso avaliar o ambiente de negócios, seus objetivos, recursos necessários para atingi-los e a construção e evolução da equipe conforme aumenta o volume de trabalho. Também devem ser considerados os riscos que pode enfrentar. Embora você não possa garantir que tudo vai sair exatamente como planejado — a pandemia veio para mostrar isso — esse exercício prepara a empresa para o que está por vir.

Confira duas dicas essenciais para fazer um planejamento financeiro eficiente.

Defina as expectativas de fluxo de caixa

O fluxo de caixa é o valor que entra e sai da empresa. Quando você estiver no início da empreitada no ramo de decoração de festa, é natural que gaste mais do que ganha. No entanto, é preciso definir antes de iniciar as atividades qual o valor aceitável de investimento antes de começar a sentir o retorno.

Divida o orçamento

Para atender às expectativas de fluxo de caixa, sua empresa precisa ter um orçamento predefinido. É importante que esse orçamento seja dividido entre as necessidades do negócio, como para o estoque de produtos e ou verbas para marketing.

Trabalhe com várias perspectivas

Vamos supor que você planeja recuperar 30% do seu investimento por mês. Se o negócio atender a essas expectativas, é possível descobrir em quanto tempo a empresa começa a ser lucrativa.

Mesmo assim, você deve considerar outros cenários, em que esse retorno será menor. Assim você evita que as finanças acabem ficando desorganizadas mesmo um tempo após a abertura da empresa. 

Invista em cursos profissionalizantes

A educação sempre foi uma ótima maneira de obter conhecimento básico para centenas de áreas de atuação — e também é de extrema importância para aqueles que desejam trabalhar com decoração de eventos.

Ter uma base teórica sobre design, a indústria de eventos, a administração de negócios e outros assuntos que são aprendidos em cursos profissionalizantes ou até mesmo em uma graduação facilitam não só a abertura da empresa, mas seu dia a dia na gestão.

Você precisa estudar muito além do que seus olhos veem na montagem das decorações! Decorar uma festa ou um evento não significa apenas descobrir os desejos do contratante e expressar seus pedidos por meio da aparência. Na verdade, é entender sobre os materiais utilizados e as melhores técnicas de negociação com clientes e fornecedores, entre outras questões que vão além do talento com decoração.

Defina o seu público-alvo

Como falamos no início do texto, trabalhar com decoração de festa pode ser um trabalho bastante dinâmico. Hoje, você pode decorar um batizado, amanhã o casamento e no próximo final de semana uma festa de 15 anos.

Mas nada impede que você se dedique a entender apenas um segmento, como festas de aniversário de crianças, por exemplo. Também pode afunilar ainda mais a sua atuação, atendendo apenas a temáticas de personagens infantis.

Por um lado, atender a um nicho específico pode fazer de você uma referência no mercado, aprimorando os serviços e conseguindo parcerias com os melhores fornecedores do mercado. De outro, trabalhar com várias possibilidades amplia o leque de atendimentos.

Antes de decidir o seu segmento de atuação, é necessário definir o seu público-alvo. Nesse processo, você deve considerar o mercado em que você está inserido e o perfil da cidade onde sua empresa estará localizada.

A região é habitada por muitos aposentados? Cogite trabalhar com decoração de festas para comemorações como bodas e festividades que costumam reunir a família, como mesas para a ceia de natal. Mas se estamos falando de uma cidade universitária, decorar aniversários com produtos divertidos, inovadores e de baixo custo pode ser uma grande sacada.

Você também precisa definir a persona do seu negócio — que é um personagem fictício criado para representar os diferentes tipos de clientes com os quais você vai trabalhar. A criação desse personagem vai ajudar a direcionar seu trabalho, os novos projetos da empresa e as ações de divulgação e marketing.

Os dados que costumam ser utilizados para a criação dessa persona são:

  • classe social;
  • formação educacional;
  • gênero;
  • hábitos de consumo;
  • idade;
  • localização;
  • poder de compra.

Divulgue a sua nova empresa

Se você não divulgar a sua nova empresa, seu público-alvo não tem como saber que há um novo prestador de serviços de decoração no mercado.

Existe uma variedade de canais online e offline para tornar o seu negócio conhecido: redes sociais, anúncios em revistas especializadas e o tradicional boca a boca costumam ser opções eficientes para divulgação.

Adiante, neste mesmo material, falaremos sobre a apresentação virtual da empresa. Agora, você vai entender quais atitudes devem ser tomadas para que a divulgação na internet e fora dela seja um sucesso:

  • construa uma lista de comunicação, em aplicativos de troca de mensagens e no e-mail, enviando as novidades da empresa, foto dos últimos eventos decorados e outras informações que os futuros clientes possam gostar;
  • crie um logotipo e um site;
  • faça promoções e distribua brindes;
  • faça uma camiseta personalizada da sua empresa para atender aos primeiros clientes com mais profissionalismo e reforçar a marca sempre que estiver com ela;
  • invista em anúncios pagos no Google e nas redes sociais;
  • lembre seus amigos e familiares de recomendar os seus serviços e compartilhar suas publicações sempre que possível;
  • participe de feiras destinadas ao seu público-alvo;
  • procure influencers locais para fazer parcerias;
  • se tiver moto ou carro, adesive o veículo com o logotipo.

Como conseguir os primeiros clientes?

Com os primeiros passos do negócio devidamente planejados, está na hora de ir atrás da clientela. Essa etapa é desafiadora para quem trabalha com decoração de festa, afinal, estamos falando de um trabalho visual — como pontuamos diversas vezes ao longo do texto.

Estamos aqui para ajudar você. Por isso, chegou a hora de conhecer os maiores segredos para conquistar os primeiros clientes na sua empresa de decoração de festas!

Tenha parcerias do setor que indiquem você

Estabelecer parcerias é importante para os negócios de modo geral, mas podem fazer toda a diferença se a sua empresa estiver em seus primeiros passos. A indicação de uma marca já renomada e conhecida do público transmite confiança, facilitando que novos clientes cheguem até você.

Para atingir esse objetivo, é importante que as parcerias sejam do setor de eventos ou que também atendam seu público-alvo. Ou seja, pode ser uma loja de roupas infantis, uma doçaria com quitutes deliciosos ou até mesmo um bar ou choperia que forneça bebidas para eventos. 

Apresente a sua empresa pessoal e virtualmente

Nos dias de hoje, a presença virtual é um importante complemento do atendimento pessoal. No ramo de decoração de festas, é correto dizer que, muitas vezes, os futuros clientes buscam o serviço na internet antes de solicitar um orçamento ou marcar uma reunião. Se não gostam do que veem nas redes sociais ou não encontram a empresa nesses espaços, dificilmente chegarão até o seu negócio.

Mais importante que estar no ambiente online, é apresentar um conteúdo de qualidade. Fotos bem tiradas, informações úteis e que vão além das decorações propriamente ditas contribuem para que o público esteja sempre conectado com os seus serviços.

Embora a empresa seja de decoração de festas, ter um blog e um perfil nas principais plataformas sociais para falar sobre outros assuntos também pode fazer com que seu trabalho fique conhecido.

Por exemplo, se o seu foco é decorar eventos de casamento, você pode dar dicas sobre os melhores locais para fazer eventos na região e roteiros para a lua de mel. Se prefere trabalhar com festas infantis, abordar assuntos sobre a maternidade pode ajudar nesse sentido.

Além disso, entre em contato com empresas do ramo que cultivam blogs e têm uma boa presença nas redes sociais. Se ofereça para escrever um post como convidado da página ou fazer uma live em conjunto. Essas atitudes contribuem não só para que seu trabalho seja conhecido, mas que o seu nome como decorador ou decoradora se transforme em uma referência no mercado.

Garanta um portfólio impactante

Trabalhar com decoração de festa é, acima de tudo, um trabalho visual. Dificilmente as pessoas vão contratar os seus serviços sem ver o que você é capaz de fazer. Por isso, ter um portfólio é fundamental para fechar contratos.

No entanto, para quem está começando, pode ser difícil reunir fotos e vídeos dos serviços entregues para clientes anteriores. Mesmo porque, dependendo do estágio de abertura da sua empresa de decoração de festas, é possível que ainda não tenha atendido ninguém. Nessa hora, contar com a ajuda de amigos e familiares é essencial para começar a construir o catálogo da sua empresa.

Pergunte a essas pessoas se você pode decorar seus eventos ou realizar alguns trabalhos gratuitos apenas para obter as fotos. Se for preciso, trabalhe com a organização de uma festa, mesmo sem motivos para isso, só para decorar o espaço e fotografar.

Como em outras profissões, praticar é um dos elementos chave para o sucesso de um negócio ou de uma carreira. Não importa o quão bom você seja na teoria, o quanto suas ideias são inovadoras ou a qualidade dos materiais que você trabalha. Se você não tiver imagens de uma aplicação prática para mostrar aos seus clientes, dificilmente eles se sentirão seguros em fechar uma festa com você.

Muitas vezes, será preciso trabalhar de graça até que seu portfólio cause o impacto desejado. Você precisa ter disposição para trabalhar em alguns eventos gratuitos para que, além de amostras, você estabeleça uma boa rede de contatos e consiga recomendações com parceiros de trabalho.

Nesse caso, também é possível considerar parceria com outros fornecedores de festas e realizar alguns trabalhos sociais, como oferecendo uma decoração para casamentos coletivos ou uma festa de dia das crianças para alguma ONG que trabalhe com esse público.

Veja mais algumas dicas para montar um portfólio impactante.

Procure por oportunidades fora do ramo de decoração de festas

Entre em contato com fotógrafos locais, lojas de noivas, agências de modelos e espaços para locação de eventos, propondo organizar cenários para fotos promocionais que podem ser utilizadas por todos os grupos envolvidos.

Reúna depoimentos de clientes

Depois que começar a montar suas primeiras decorações, peça gentilmente que seus clientes enviem um depoimento sobre o seu trabalho. Se for elogiada de forma espontânea em aplicativos de troca de mensagens, como WhatsApp, peça permissão para replicar o elogio nas suas páginas profissional e pessoal.

Os depoimentos aumentam a credibilidade e reforçam que você tem um desempenho tão bom quanto afirma.

Invista em diferentes formatos de portfólio

Não existe um melhor formato de portfólio, no entanto, investir em diferentes tipos contribui para um alcance maior de clientes.

Dito isso, esteja nos grupos destinados ao seu público-alvo — no Facebook, WhatsApp e Telegram —, desenvolva o próprio site e o mantenha atualizado. Tenha também um perfil profissional no Instagram e no Pinterest. Um tablet pode ajudar a mostrar o seu trabalho nas reuniões presenciais. Posteriormente, se sentir necessidade, pode criar um material impresso.

Como se destacar no segmento de decoração de festas?

Até aqui, você descobriu várias questões relevantes para abrir uma empresa de decoração de festa. Desde o mercado para decoradores, passando pelo planejamento, até dicas valiosas de como montar seu portfólio, as informações trazidas ao longo deste material permitem que você esteja pronto para atuar em um mercado tão encantador quanto o de festas e eventos.

Agora, você vai entender como dar continuidade ao seu negócio, prestando um serviço de qualidade e ganhando destaque no segmento de atuação. Vamos lá!

Use sempre materiais de qualidade

Quando uma pessoa contrata um profissional para fazer a decoração da sua festa, ela espera por um trabalho bem feito. Além de saber como combinar os elementos dentro de um espaço, o decorador deve prezar por materiais de qualidade. Por exemplo, você sabia que a escolha do fornecedor dos cilindros de gás hélio faz toda a diferença em uma decoração de balões?

Contar com material de boa procedência é essencial para alcançar o resultado esperado. No caso do balão de gás hélio, o compromisso com um bom fornecedor garante que os produtos não murchem antes da hora ou até mesmo explodam.

Esteja ligado nas novidades

Trabalhar com decoração de festa exige que o empreendedor esteja sempre antenado às novidades do mercado, em diversos sentidos: nos materiais usados, nos fornecedores, nas temáticas, em novos espaços para festas e a tudo o que for pertinente às atividades do decorador.

Estar atualizado é crucial para manter a competitividade no mercado. A decoração é um campo muito dinâmico e quem não consegue acompanhar as tendências provavelmente terá suas atividades prejudicadas.

Ofereça sempre mais do que o cliente pediu

Sempre que estiver trabalhando em um novo projeto de decoração, se coloque no lugar do consumidor, pensando de que formas você pode surpreendê-lo na entrega do serviço. O objetivo é ir além das expectativas e garantir a satisfação desse cliente.

Muitas vezes, você não está só entregando uma festa decorada, mas sim realizando um sonho. Dito isso, é importante ler nas entrelinhas e dar ao cliente mais do que ele pediu. Lembre-se sempre de que surpreender é a palavra de ordem para se destacar nesse nicho.

Chegamos ao final do nosso artigo sobre como trabalhar com decoração de festa em sua própria empresa, de maneira profissional!

Esperamos que as informações contidas nesse material tenham ajudado a atingir nosso objetivo, de preparar você para ser uma referência na área, como também ter contribuído para que você possa iniciar as atividades de maneira organizada e estratégica.

Mesmo após iniciar as atividades da sua empresa, é importante que você revise os pontos levantados neste material. Eles vão ajudar a manter o negócio equilibrado e fornecer insights para que seus serviços possam evoluir sempre. Caso sinta necessidade de ser mais bem assessorado, não hesite em buscar ajuda profissional para a abertura da empresa.

E para você que já está no mercado de eventos, trabalhar com decoração de festas será a expansão de suas atividades. Desejamos sucesso! Se quiser conhecer mais os produtos da Air Liquide, entre em contato conosco ou verifique o nosso catálogo online!