Pular para o conteúdo principal

Sobre Nós

Aberto

Tudo que você precisa saber antes de encher um balão de gás hélio

Balões de gás hélio são um diferencial para festas

Os balões são tradicionalmente uma importante parte da decoração de festas. Eles colorem, alegram e preenchem espaços. Comemorações no trabalho, festas infantis, formaturas: existem tipos, cores e tamanhos para todo tipo de celebração.

E para garantir que ele permaneça flutuando e não murche antes da comemoração acabar, o melhor que uma empresa de festas pode oferecer aos seus clientes é o balão de gás hélio.

Quer saber mais sobre as propriedades desse gás e como fazer seu uso seguro? Neste artigo, convidamos a especialista Stela Michetti para responder a todas as suas dúvidas. Confira!

É seguro usar gás hélio para encher balões e decorar festas?

O hélio é um gás nobre abundante na atmosfera solar e encontrado em níveis residuais na atmosfera terrestre. Seu uso comercial, no entanto, vem da extração de recursos fósseis, de bolsões em campos extraídos por perfurações.

A pergunta mais comum sobre ele é sempre a mesma: o gás hélio é inflamável? A resposta rápida é não. Por ser um gás nobre, o hélio puro não entra em combustão, o que torna sua utilização mais segura que a maioria das alternativas disponíveis no mercado. Por essa característica, como Stela nos conta, ele tem muitas aplicações além dos balões de festa. Ela lista onde mais é utilizado:

  • no espaço, permitindo a pressurização de tanques de oxigênio;
  • na indústria automotiva para encher os airbags, bem como no processo de soldagem;
  • na indústria de componentes eletrônicos;
  • na medicina, para auxiliar o fluxo de oxigênio em caso de obstrução respiratória;
  • como detector de vazamentos;
  • como gás para mergulho.

Mas, sem dúvida, sua aplicação mais comum no dia a dia das pessoas é como um gás seguro e eficiente no enchimento de balões para decorar festas. Por suas características, ele não só mantém a decoração em destaque como tem durabilidade que se transforma em praticidade para negócios no ramo.

Como garantir a segurança na utilização do hélio?

Mesmo sendo um gás não inflamável, a segurança sempre depende do armazenamento e manuseio, assim como outros tipos de gases. É o que Stela aponta como importante para utilização do hélio em festas.

Como o gás geralmente é fornecido em alta pressão, deve haver uma pesquisa adequada sobre a qualidade do fornecedor do cilindro, além de um dispositivo de regulagem adequado para essa aplicação específica. A especialista aponta outros cuidados:

  • evite respirar o gás hélio;
  • evite fumar próximo ao cilindro;
  • armazene o cilindro em local apropriado;
  • nunca deixe o cilindro solto, mesmo que seja um pequeno (pois o cilindro pequeno geralmente tem a mesma pressão que um maior);
  • antes do uso, certifique que não existem vazamentos no cilindro, na válvula, nem no regulador de pressão e suas conexões.

Quais são os tipos de balões que podem ser enchidos com gás hélio?

Entre os balões disponíveis no mercado, pode-se dizer que todos. Não existem restrições de materiais que sejam impeditivos para o uso do hélio. O comportamento do gás pode variar de acordo com as propriedades, mas em geral, todos os tipos de balões mais comuns no mercado para decorações se adéquam sem problemas: de látex, metalizados, grandes ou pequenos.

Com quanto tempo de antecedência posso deixar o balão cheio de gás hélio?

Para empresas que promovem festas, o timing é sempre uma das questões mais importantes. Afinal, é preciso montar uma decoração com tempo suficiente para não atrapalhar as outras partes envolvidas — catering, músicos, performances, instalação de equipamentos etc. Ao mesmo tempo, a instalação não pode ser tão distante do evento a ponto de que esses elementos estejam aquém de sua apresentação ideal na hora que importa.

No caso dos balões, não é conveniente quando já estão murchos logo na chegada dos convidados. Pode parecer que a festa está acabando antes de começar! Isso deixa a cenografia menos interessante e convidativa.

Por isso é tão importante conhecer o tempo em cada situação para planejar o enchimento no melhor momento possível. E essa resposta vai depender muito de alguns fatores.

O principal deles, claro, é a qualidade e as propriedades do material do balão. Balões comuns de fornecedores tradicionais flutuam por algum tempo — algo entre 4 e 8 horas. Nesse caso, devem ser inflados bem perto do horário de início do evento.

Mas existem também balões que são fabricados especificamente para uso com hélio. Eles têm materiais e características capazes de segurar o gás por mais tempo, podendo flutuar por 15 dias ou até mais! Tudo depende dos seus objetivos e do orçamento disponível.

Portanto, é bem importante escolher o melhor fornecedor de balões nesses casos. A qualidade do produto que você recebe não só torna a decoração mais bonita como simplifica o processo de montagem do evento. Stela dá outras dicas para otimizar esse tempo:

"Para uma festa, por exemplo, é recomendável testar essa durabilidade alguns dias antes, para não ter surpresas. Alguns tipos de balões também podem ser reinflados. Em locais muito quentes os balões flutuam por menos tempo. É importante que a pessoa que for encher esses balões regule muito bem a pressão que utilizará no enchimento, pois isso também impactará em quanto tempo o balão flutuará."

O que faz o balão de gás hélio flutuar?

Todo mundo que já encheu um balão soprando sabe que, assim que ele é jogado para cima, volta para o chão. Então, o que há de diferente no hélio que mantém o balão no ar, inclusive preso para que não vá embora ou que fique parado no teto de um ambiente fechado?

O hélio é um gás nobre puro, o elemento "He" na tabela periódica. Sua principal característica é ser menos denso do que a atmosfera que está à nossa volta. E, assim como tudo que é menos denso que a água sobre para a superfície, tudo que é menos denso que o ar que respiramos sobe pela atmosfera até encontrar um ponto rarefeito o suficiente para igualar sua densidade.

Aliás, essa mesma propriedade é responsável por uma das curiosidades mais divertidas do gás hélio: sua capacidade de afinar temporariamente a voz de quem o respira. Por ser menos denso, ele cria um microambiente na garganta em que o ar é mais leve do que o normal, fazendo o som produzido pelas cordas vocais viajar com mais velocidade.

O resultado de ondas de som mais rápidas é uma frequência maior da voz, o que lembra uma dublagem de desenho animado! Um som com frequência maior se torna mais agudo. Inclusive, existem outros gases que proporcionam o efeito contrário — por serem mais pesados, deixam a voz mais grave, mas esse é assunto para outro conteúdo.

No entanto, por mais que seja divertido, Stela alerta que o hélio não deve ser ingerido, pois seu excesso pode causar sufocamento — podendo levar até a morte em casos mais graves.

Eliminando esse risco e apostando em fornecedores de qualidade — tanto dos balões quanto dos cilindros — o balão de gás hélio é um elemento que não pode faltar em quase nenhum tipo de festa. É uma alegria a mais para encantar seus clientes e uma praticidade a mais para a sua rotina.

Que tal então contar com uma empresa parceira no fornecimento desse e de outros tipos de gases? Entre agora no site da Air Liquide e conheça nossos produtos!

Infográfico

Conheça o gás hélio e suas curiosidades